A alergia alimentar e suas preocupa��es - Projeto Imuno

A alergia alimentar e suas preocupa��es

A alergia alimentar e suas preocupações

A alergia alimentar e suas preocupações
Estima-se que esse processo alérgico acometa cerca de 8% das crianças com menos de 3 anos de idade e 3% dos adultos.

A alergia alimentar é uma reação adversa do corpo a determinado alimento.  Seus sintomas são variados e podem surgir na pele, no sistema gastrintestinal e respiratório, com sintomas leves ou graves, dependendo do caso.

Estima-se que esse processo alérgico acometa cerca de 8% das crianças com menos de 3 anos de idade e 3% dos adultos. Importante ressaltar que qualquer alimento pode desencadear uma reação alérgica. Entretanto, leite de vaca, ovo, soja, trigo, peixe e crustáceos são os mais envolvidos. As reações adversas aos conservantes, corantes e aditivos alimentares são raras, mas não devem ser menosprezadas.

As reações mais comuns são as da pele, como urticária, inchaço, coceira e eczema. As do o aparelho gastrintestinal podem envolver diarreia, dor abdominal e vômitos. Já as do sistema respiratório, manifestam-se por meio de tosse, rouquidão e chiado no peito. Manifestações mais intensas, acometendo vários órgãos simultaneamente também podem ocorrer e são preocupantes.

Para fazer um diagnóstico mais preciso é preciso fazer uma história clínica minuciosa associada a dados de exame físico que podem ser complementados por testes alérgicos. Para tal, a consulta a um médico alergista é fundamental.

Vale ressaltar a importância de os pacientes evitarem contatos com o alimento desencadeante. Na dúvida, procure o seu médico.

 

 

Fonte: Associação Brasileira de Alergia e Imunologia

Foto:  Jason Antonya